Acordo entre países reduz a taxa de impostos em videogames e eletrônicos. E o Brasil está fora dessa!!!

Avatar

Roberto-Azevedo-rie-e1368046984958-655x407
Até o fim desta semana, um acordo entre 80 países para a eliminação de tarifas de importação para eletrônicos e de tecnologia, deve ser firmado. Porém, a parte ruim da notícia, é que o Brasil decidiu ficar de fora do acordo.

Os países que estarão assinando o acordo, representam 97% do mercado de produtos, que incluem Estados Unidos, China, Coreia do Sul e Japão. Essa é a primeira vez que a Organização Mundial do Comércio (OMC) se une para a realização de corte de tarifas nos últimos 18 anos.

“Estamos muito otimistas de que chegaremos a um acordo bem-sucedido no final da próxima semana”, analisa o diretor-geral da OMC (Organização Mundial de Comércio), Roberto Azevêdo, que é brasileiro. “Temos a base para um acordo”, afirmou em sua conta oficial no Twitter.

Já o presidente da ACEB (Associação de Comércio Exterior do Brasil), José Augusto de Castro, disse que o Brasil está se isolando do comércio internacional. “Ou nos integramos ao mundo, ou o Brasil ficará cada vez mais à parte”, completa.

Fonte: Adrenaline