Sony e sua apresentação do PS4: Dá pra esperar algo realmente grande?

Avatar

Pois é meus queridos! A Sony na noite de ontem (20) causou alvoroços com a sua coletiva sobre o Playstation 4 (que por sinal, satisfez com manter a sequencia do console, acabando com o mito do número quatro na crença popular japonesa), mostrando que o foco desta vez é Interagir e Compartilhar.

Compartilhar, que por sinal, se tornou a palavra da década. Hoje qualquer coisa compartilha qualquer conteúdo com seus amigos. Mas a Sony sentiu a necessidade de elevar esta palavra de doze letras ao extremo.

O primeiro ponto do novo console, é seu joystick.
O Dualshock 4 conta agora com algumas mudanças técnicas como uma espécie de anti-aderência da sua parte traseira, fazendo com que o controle fixe melhor na mão, não o deixando escorregar tão facilmente. 

Outro ponto bastante curioso e bastante obscuro (por assim dizer), é a inclusão de uma espécie de Touchpad no meio do controle. Pela apresentação, não ficou muito claro qual será a finalidade deste novo dispositivo. 
O Dualshock 4 conta também com o botão “Share”, que com um simples toque, você pode compartilhar os mais diversos conteúdos. Assim mesmo. Com um simples toque. 

Ainda citando o quesito compartilhar, como eu disse antes, a Sony quis explorar todo o potencial desta palavra que caiu no gosto das pessoas. Agora, você não terá todo aquele trabalho de gravar um gameplay e disponibilizá-lo em seu canal no Youtube.

Suas jogatinas pra mostrar suas habilidades gamísticas agora podem ser feitas por Streaming. Isto mesmo! Tudo ao vivo, e direto para seu canal na PSN! 

Mas, e os jogos Vinícius?!

Pois é. Este foi um dos pontos do qual, quem assistiu a Playstation Meeting, pode ter se decepcionado.
Alguns dos games apresentados como o novo Killzone Shadowfall impressionaram com a qualidade gráfica e com a sua jogabilidade (Esperamos que não seja como na apresentação do Killzone 2, que teve uma câmera levemente acelerada pra dar a impressão de uma capacidade de processamento mais fluída). – Mesmo que em vídeo apenas.
Outros games foram apresentados, incluindo algumas Third Parties como a Capcom, impressionaram com sua nova franquia, chamada “Deep Down” – Que se baseia em uma aventura ambientada na era medieval, remetendo a jogos como Dark Souls e Dragon’s Dogma.

Deixo disponível o vídeo promocional de “Deep Down”:
https://www.youtube.com/watch?v=P9sSx_Whj7A

A Ubisoft também marcou presença no evento, demonstrando um novo gameplay de Watch Dogs, e alguns detalhes da jogabilidade, como o sistema de hacks que serão usados no decorrer da trama:

Também deixo o link do gameplay, e sugiro vê-lo em HD.
https://www.youtube.com/watch?v=YGdVdi49V9Y

A surpresa da noite (E por que não dizer, DECEPÇÃO), foi quando a Blizzard subiu ao palco do evento. Sim, você não leu errado. BLIZZARD. BLIIIIIIZZARD!! E anunciou – que rufem os tambores – DIABLO III para PS3 e PS4.
(Me recuso a colocar qualquer comentário à respeito disso).

Alguns serviços do atual console da Sony foram mantidos, como o Netflix e a acessibilidade ao Facebook através do console. E outros serviços foram incluídos, mas apenas estarão disponíveis nos EUA.

Já uma das notícias que acalmou os fãs da empresa, é que o novo console será totalmente sem travas para jogos usados. Este, era um grande medo dos consumidores da Sony, já que rumores indicavam que cada jogador deveria ter seu próprio jogo, e empréstimos e trocas seriam impossíveis devido à uma trava de segurança, impedindo um jogo já usado em um console, funcionar em outro.

Mas o momento que todos nós esperávamos não aconteceu. Após a amostra de alguns jogos, especificações, serviços, e afins, o novo console não deu as caras. Ninguém no evento sabe ou viu o novo console. Simplesmente, a Sony mostrou apenas uma pequena parcela do que é de fato, o PS4. O que é confirmado, é que Novembro será seu lançamento.
Então, continue juntando suas moedinhas.