Presidente da Anatel cita jogos online para defender cobrança extra em novos planos

Avatar

JOAOREZENDE2
A essas alturas do campeonato, você já deve conhecer o imbróglio entre consumidores, e as companhias que fornecem internet banda larga fixa no País. Para piorar a situação, a Anatel divulgou ontem uma “regulamentação” no Diário Oficial da União, que parece ser bem conivente com os novos planos de franquia de dados, no qual as operadoras estão dispostas a aderir – apesar de aplicar multas para as companhias que não respeitarem as tais normas.

Já a bola da vez do presidente do órgão regulamentador de telecomunicações, João Rezende, foi a de que jogos online tem um consumo excessivo dentro do mercado.

“Tem gente que adora, fica jogando o tempo inteiro e isso gasta um volume de banda muito grande. É evidente que algum tipo de equilíbrio há de se ter porque, senão, nós teremos o consumidor que consome menos pagando por aqueles que estão consumindo mais. É essa questão da propaganda, do ilimitado e do infinito que é um negócio que acabou desacostumando o usuário.”

Ainda segundo Rezende, o consumidor brasileiro foi educado de forma errada, no que diz respeito ao consumo de internet:

“Essa questão da propaganda do ilimitado acabou de alguma maneira desacostumando os usuários. Foi uma má educação ao consumo que as empresas fizeram ao longo do tempo”.

Fonte: IGN Brasil