Por “agenda apertada”, Dragon Ball FighterZ não ganhará dublagem em português

Avatar

Com um visual que remete muito ao visto nos animes, e a esperança de finalmente termos um jogo de Dragon Ball Z com a dublagem nacional, parece que esse sonho terá que ser adiado mais uma vez.

Em entrevista ao UOL Jogos, a Bandai Namco, através de seu diretor de comunicação, Denny Chiu, a companhia disse que devido a uma “agenda apertada” de desenvolvimento, não incluirá a dublagem que contaria com nomes como Wendel Bezerra (Goku), Alfredo Rollo (Vegeta), Carlos Campanile (Freeza), entre outros grandes dubladores nacionais.

Questionado sobre as dublagens presentes em títulos como “Naruto Shippuden Ultimate Ninja Storm 4” e “Cavaleiros do Zodíaco: Alma dos Soldados“, a resposta foi que ambos foram projetos especiais – ou como disse o executivo, “os planetas estavam em perfeito alinhamento”.

O site divulgou uma nota oficial da Bandai Namco, comentando o caso. Confira abaixo:

Um dos principais objetivos da BANDAI NAMCO Entertainment America Inc. é o de disponibilizar mais jogos para nossos fãs nas Américas Latina e do Sul. Nós gostaríamos muito mesmo de trazer estes jogos completamente localizados em português brasileiro e espanhol neutro, mas é virtualmente impossível fazer isso com todos os títulos por conta das agendas de desenvolvimento apertadas, entre outros fatores. “Naruto Shippuden Ultimante Ninja Storm 4” e “Cavaleiros do Zodíaco: Alma de Soldados” foram projetos realmentes especiais onde os ‘planetas estavam alinhados’, e tudo contribuiu para que os jogos chegassem ao Brasil em português com a dublagem original dos mesmos atores que trabalharam nos animes. No caso de “Dragon Ball FighterZ”, o game contará com audio original em japonês e inglês e terá sua interface e legendas totalmente localizadas para português brasileiro e espanhol neutro.

O game recebeu um grande apelo por parte dos fãs, que viram nele uma grande oportunidade de ter o primeiro jogo baseado na obra de Akira Toryiama localizada. Infelizmente, esse projeto teve que ser adiado. Mais uma vez.

Fonte: UOL Jogos