Jailbreak para PS4 já é uma realidade

Avatar

Novo console da Sony mal chega às prateleiras, e já sofre com a ameaça da pirataria. – Foto: Reprodução

Mal o novo console da Sony entrou no mercado – e mais recente ainda, no mercado europeu e latino – , e um grupo de hackers já liberou o possível Jailbreak do console.

 Pra quem não sabe, o processo de Jailbreak consiste em liberar o sistema raiz do aparelho, fazendo com que ele não só rode jogos originais, mas também cópias de suas imagens através de uma mídia externa, ou até mesmo se estiver salvo dentro do HD do aparelho.

O site poepra2 informou que, a rapidez no processo de desbloqueio do aparelho, se deu pelo fato do sistema operacional do PS4 – o ORBIS – ter uma arquitetura muito parecida com o FreeBDS, que é um sistema open source – ou seja, com seu código fonte aberto, possibilitando à desenvolvedores e entusiastas, a alterar completamente o sistema, se adequando à suas necessidades e testes, o que facilitou e muito, no projeto do grupo.

E como esse processo é feito?!

De acordo com o site Baixaki Jogos, o procedimento de desbloqueio parece até mais simples que o console anterior, onde apenas a instalação do custom firmware é necessário. Eis aqui, os passos para o Jailbreak:

  • É necessário ter instalado o DAY ONE patch do console, caso contrário o exploit não funcionará.
  • Crie uma Pasta no seu Pen Drive, onde você colocará o Exploit
  • Crier uma pasta chamada “SANDERPS4″. Dentro desta pasta, crie outra pasta chamada “EXP”.
  • Extraia o arquivo PSORBISEXP.PUP do pacote, e salve na pasta “EXP”.
  • Certifique-se que seu console está desligado.
  • Conecte seu Pen Drive ao video-game, pressione o botão de ligar por pelo menos 7 segundos. O Console entrará em “safe mode”.
  • Selecione “Update System Software” (Atualizar software de sistema)
  • Siga as instruções na tela e instale o Jailbreak
  • Se seu console não reconhecer o arquivo de Jailbreak, certifique-se que as pastas e os nomes dos arquivos estão corretos.

Lembrando que o Salvando Nerd se reserva no direito de apenas divulgar a informação, e caso você resolva testar o processo em seu console, é de sua responsabilidade e risco.

Agora é uma questão de tempo, para ver se a guerra Sony versus Hackers terá um segundo round, e qual será a medida cabível que a empresa irá tomar.

Fonte: Baixaki Jogos.