E3 2018 – Confira tudo o que rolou na conferência da Ubisoft

Avatar

A Ubisoft subiu ao palco da E3 nesta segunda-feira (11), para apresentar o seu line-up de 2018 /2019. Algumas surpresas ocorreram, e a empresa parece ter aprendido com seus erros a ser mais honesta no que diz respeito a mostrar gameplays de seus jogos.
De um jeito bem descontraído e tradicionalmente com pessoas dançando no palco, a desenvolvedora francesa ainda consegue encantar e protagonizar momentos sem-noção alguma em cima do palco.

Tudo começou com uma pessoa vestida de panda dançando na rua e se encaminhando para o palco da conferência, com diversas pessoas dançando ao redor. Tudo isso para promover o novo Just Dance 2019.
Foi bem interessante notar as variadas músicas que apareceram sendo tocadas ao vivo no palco.

Depois dessa apresentação maluca de Just Dance, foi a vez do aguardado Beyond Good and Evil 2 aparecer no palco, com mais um trailer em CGI. Dessa vez, mais detalhes sobre o jogo foram revelados, como a presença de Jade – a heroína do primeiro jogo – que aqui, será uma antagonista, já que o jogo se tratará de uma prequel.

Segundo os desenvolvedores, o jogo será uma aventura com alguns elementos de RPG, onde os jogadores poderão seguir na história tanto sozinhos como em co-op.
A Ubisoft também divulgou o que eles estão chamando de “HitRECord”, onde artistas, músicos, ilustradores e afins, poderão contribuir com o desenvolvimento do jogo, enviando trilhas sonoras, artes, ilustrações, ideias de level design e muito mais. Isso também causou uma certa polêmica, pois basicamente a empresa está procurando talentos que não tenham qualquer vínculo de relação trabalhista, e nada sobre recompensar o trabalho de tais talentos foi dito.

Trailer do programa “HitRECord”:

Trailer cinemático de Beyond Good and Evil 2:

Claro que os jogos ligados a e-Sports também não poderiam deixar de figurar na conferência. Rainbow Six Siege conseguiu atingir a marca de 35 milhões de jogadores ao redor do mundo, e também foi revelado que aUbisoft está trabalhando em um documentário sobre a vida de 8 jogadores profissionais do título, chamado de Another Mindset.

Aqui, podemos ver que a Ubisoft não poupa esforços para seus momentos vergonha-alheia, quando o diretor criativo de Trials Rising – novo título da franquia –, Antti Ilvessuo, chega em uma moto menor do que ele poderia montar, sobe no palco, e simula um tropeço sobre uma bancada com um monitor onde supostamente seria demonstrado o jogo.

Além disso, um beta fechado do jogo também foi anunciado. Para participar, basta se cadastrar no site oficial do jogo e torcer.
Trials Rising chega em fevereiro de 2019 para Xbox One, Playstation 4, PC e Nintendo Switch.

The Division 2 foi um dos grandes pontos da conferência, onde pudemos ver um trailer cinematográfico e uma gameplay. Conforme se especulava nas redes sociais e fóruns algum tempo antes de ser anunciado, o jogo se passará em Washington, DC.

Durante a apresentação, também foi confirmado que o jogo agora contará com Raids de até 8 jogadores, e também terá três episódios de conteúdos extras que serão distribuídos gratuitamente durante o primeiro ano do jogo.

The Division 2 está com data de lançamento prevista para 19 de março de 2019 para Playstation 4, Xbox One e PC. Um beta também está disponível para os jogadores que se cadastrarem no site do jogo.

Remetendo a Rare dos anos 90, a Ubisoft parece ter conseguido conquistar o coração da Nintendo. Isso por que após a apresentação de The Division, as selvas de Donkey Kong tomaram conta do palco, e músicas tradicionais da franquia foram executadas ao vivo, conduzidas por ninguém menos que Grant Kirkhope, um dos responsáveis por trilhas memoráveis de títulos como Banjo-Kazooie, Perfect Dark e GoldenEye 007.

Em seguida, foi anunciado oficialmente que Donkey Kong se juntará aos Rabbids e Super Mario e sua turma em “Mario + Rabbids: Kingdom Battle: Donkey Kong Adventure”, lançado exclusivamente para o Switch, que mescla a jogabilidade tática de XCOM, com os personagens da Ubisoft e da Nintendo.

Mais detalhes sobre essa adição ao game deverão ser revelados durante a conferência da Nintendo, nesta terça-feira (12).

E finalmente, mais detalhes sobre Skull & Bones foram revelados. O desenvolvimento do game está a cargo da Ubisoft de Singapura, mesma por trás de Assassin’s Creed 4: Black Flag.

Basicamente o jogo será um gigantesco modo de batalha naval visto em AC Black Flag, onde poderemos customizar nossos navios e travar batalhas tanto em modo singleplayer como em co-op.
O jogo está com a janela de lançamento para 2019, e nada além disso foi dito.
Para quem se interessar, um beta estará disponível para jogadores que se inscreverem no site oficial do jogo, e aguardar ser convocado para suas aventuras em alto mar.

Subindo ao palco da apresentação, o ator Elijah Wood (o Frodo de O Senhor dos Anéis) apresentou o projete Transference, um thriller psicológico que está sendo desenvolvido em parceria entre a Ubisoft Montreal e a SpectreVision, em que promete combinar filmes e games em um único ambiente.

Ainda é impossível dizer muito sobre o game, mas através do gameplay mostrado, é possível ver uma estranha relação de pai e filho, onde assumiremos o papel desse garoto.
Apesar do forte apelo na realidade virtual, o jogo também poderá ser jogado via Xbox One e Playstation 4 convencionalmente.

Transference estará disponível durante o Outono deste ano.

Starlink: Battle for Atlas é um jogo de naves que bebe muito da fonte de Star Fox, originalmente lançado no Super Nintendo. Mas, ao invés de termos animais lutando no espaço, temos um grupo de humanos tentando reunificar o um universo todo para lutar contra uma grande ameaça que pode colocar a vida de todos em risco.

Um dos grandes chamarizes desse jogo foram as naves de brinquedo que o jogador poderá colecionar e customizar, e que serão transportadas diretamente para o jogo, semelhante ao que ocorre com os Amiibos da Nintendo. E, demonstrando que a Ubisoft está com moral com a Nintendo, uma versão exclusiva foi divulgado para o Nintendo Switch, trazendo Fox McCloud como personagem jogável.

Comemorando essa nova conquista da Ubisoft, o CEO e fundador da empresa, Yves Guillemot subiu ao palco e convidou a lenda Shigeru Miyamoto, para receber uma réplica da nave Arwing, de Star Fox, que estará disponível no pacote exclusivo. Starlink será lançado em 16 de outubro.

Boa parte das pessoas imaginava que For Honor estava completamente abandonado, já que havia um bom tempo que novos conteúdos não eram adicionados ao jogo. Porém, a Ubisoft separou um pedacinho de sua conferência para anunciar uma nova expansão do game, trazendo agora os guerreiros chineses Wu Lin, em um novo e interessante trailer cinemático.

Além disso, a Ubisoft disponibilizou o título de forma Free-To-Play por tempo limitado. Os usuários de PC poderão experimentar For Honor de forma gratuita até o dia 18 de junho.

Marching Fire, o novo pacote de conteúdos de For Honor, chegará ao mercado em 16 de outubro, incluindo não somente um novo clã, mas contará também com um novo modo PvP 4×4 chamado de Breach, que fará uma equipe de jogadores invadir o castelo de outra equipe.

The Crew 2 também teve um pequeno trailer revelado, além de ser divulgado que o beta do jogo ocorrerá de forma aberta entre os dias 21 a 25 de junho.

E o grande astro da noite foi sem dúvidas Assassin’s Creed Odyssey, game que agora será ambientado na Grécia antiga (por volta de 480 A.C.), onde assumiremos o papel de um mercenário jurado de morte por seu passado sombrio.
Agora, poderemos optar por jogar o jogo com um pesonagem homem, chamado Alexios, ou uma mulher, chamada Kassandra.

Apesar da narrativa ter pontos em comum, os personagens terão algumas linhas narrativas bem distintas em certos pontos.
Um dos grandes diferenciais desse jogo, é a possibilidade de escolha de diálogos com os NPCs, ao melhor estilo Mass Effect e The Witcher 3, onde suas escolhas podem modificar o desfecho do jogo.

Os elementos de RPG incluídos em AC Origins permanecem aqui, além dos combates navais retornarem. O jogo chegará ainda este ano, em 8 de outubro para Playstation 4, Xbox One e PC.

Apesar de não trazer grandes novidades, a Ubisoft teve um ritmo muito consistente em sua conferência, trazendo diversas novidades para seus títulos. A empresa vêm a cada ano se superando e apagando a imagem negativa, deixada por apresentações passadas.
Pode não ter sido a melhor conferência, mas sem dúvida está entre as mais consistentes.