A ciência explica o curioso caso de Hodor, de “Game of Thrones”.

Avatar

Apenas um fala em meio a dragões, mulheres lindas, tramas envolventes e reviravoltas estrondosas, fazem com que Hodor seja um dos personagens mais carismáticos em meio à um jogo perigoso, onde quem é eliminado, é eliminado de vez.

Mas, muitos ainda se perguntam: Por que o gigante grisalho que serve de pernas para Bran, repete continuamente seu nome, como um Pokémon?! A resposta pode sim, ser explicada pela ciência.

Segundo Sam Kean, autor de diveros livros científicos, Hodor sofre de afasia expressiva, uma espécie de consequência de  um “derrame localizada na parte frontal do cérebro, do lado esquerdo”.

O distúrbio também é conhecido como Afasia de Broca, já que foi diagnosticado pela primeira vez pelo médico francês Paul Broca. Segundo o site da revista Mother Jones:

Broca descreveu um paciente que teve uma lesão na parte frontal esquerda do cérebro e que, a partir daí, só conseguia dizer uma palavra: “Tan”. E, assim como Hodor, o paciente de Broca veio a ser conhecido como “Tan”, a única palavra que ele conseguira dizer proferir voluntariamente- mesmo este não sendo o seu nome verdadeiro.

E assim como Hodor, os portadores da Afasia de Broca, apesar de terem dificuldades de fala, conseguem compreender e reagir, a estímulos externor.

Fonte: Mother Jones Magazine / Kotaku BR