“Mighty nº 9” bate meta de 900 mil dólares, e já tem previsão de lançamento.

Avatar
Arte conceitual mostra que Inafune quer recriar o estilo do antigo "Mega Man"

Novo game do “pai” de Megaman traz todos os elementos que consagraram o robô azul – Foto: Reprodução.

Keiji Inafune, ex-produtor da Capcom, e “pai” de Megaman, conseguiu sua meta, e seu mais novo projeto, batizado de “Mighty nº 9“, que foi apresentado na PAX Prime, feira de games realizada no último final de semana, nos Estados Unidos, sairá do forno.
Inafune havia começado uma campanha no site de arrecadação Kickstarter, e necessitava para cobrir os custos de produção, cerca de 900 mil dólares. Acontece que essa marca foi batida – e muito bem batida – e contando com cerca de 16 mil contribuintes, a campanha arrecadou até o momento, cerca de 960 mil dólares.

A campanha ainda está rolando, e ficará disponível para quem quiser ajudar, até o dia 1º de outubro.
O game, já tem previsão de lançamento, e deve chegar até abril de 2015, exclusivo  – até então – para PC.

Mighty nº 9 é quase uma “sucessão espiritual” de Megaman, uma vez que mesmo sendo criador do personagem, Inafune não tem os direitos de uso de imagem de sua própria criação.

O game conta a história de Beck, um robô que é o nono em sua linha de poderosos robôs, que estranhamente não foi infectado por um vírus que acaba alterando o comportamento das máquinas, deixando-as agressivas. Com gráficos que lembram muito a era dos 16-bit, e com uma jogabilidade totalmente em “side-scrolling“, ressaltando ainda mais sua semelhanças com seu “irmão mais velho”. Além disso, Beck ainda conta com a habilidade de absorver os poderes de seus oponentes, podendo ser utilizadas para “facilitar o serviço” contra outros robôs de sua plataforma Mighty Number (os chefes das fases, por assim dizer).

O jogo será distribuído via STEAM, e outras plataformas de vendas digitais.

Fonte: UOL Jogos.