Fã brasileiro cria sequência para Final Fantasy VI

Avatar

Para muitos jogadores old school, Final Fantasy VI – lançado originalmente em 1994, para o Super Nintendo e ganhando outras versões para PSX, GBA, e mais recente, celulares – é um dos títulos mais aclamados da saga sem fim da Square-Enix.
Muitos fãs de carteirinha clamam por um remake para os atuais consoles, e até mesmo uma continuação direta do game.
 Continue Lendo
Não aguentando a boa vontade da Square-Enix, o designer paulista Marcelo Silva Nascimento Mancini resolveu fazer as coisas do seu jeito, e está desenvolvendo uma continuação para o jogo, intitulada “Final Fantasy VI: Renascimento e Revolução“.

Neste episódio, o personagem principal é o general Leo Cristophe, que no título original acaba morrendo. Mas, nessa continuação, o personagem é revivido por Magus – personagem de Chrono Trigger –  que acaba viajando para a dimensão onde o game se passa.

Em entrevista para o site Game Hall, Mancini diz: “Na minha opinião o final de Final Fantasy VI não foi completamente bom, por isso decidi continuar a história”. Questionado à respeito do vasto número de personagens que a trama traz, ele disse que todos estarão presentes, mesmo que de uma forma não tão direta no seu enredo.

“Magus é o melhor personagem possível para reviver Leo e eles meio que trocam favores. Leo sabe do poder de Magus e sabe que com a ajuda dele pode chegar até o Ultima Weapon”, explica o designer. O game ainda não tem uma data de lançamento confirmada, mas ele já nos deixa com água na boca, pois dentro de um mês, uma versão demo poderá ser disponibilizada.

Fonte: Game Hall / Baixaki Jogos