O fim de uma era – Após 32 anos, Paint será removido do Windows

Avatar

Quem nunca usou o Microsoft Paint na vida, que atire a primeira pedra.
O software de desenho que acompanha o Windows desde suas primeiras versões, e que vive até hoje no mais moderno sistema da empresa, o Windows 10, parece estar com os dias contados.

Isso por que, segundo a empresa, o Paint está entre os programas que “não estão em desenvolvimento e podem ser retirados das próximas atualizações do sistema“. Contudo, a Microsoft não estipulou uma data para “enterrar o programa”.

O assunto foi tão debatido nas redes sociais, que acabou se tornando um dos assuntos mais comentados no Twitter.

Os outros programas que estão na mira da empresa, estão também o Outlook Express e o Reader App, que passará a ser uma parte integrante do Microsoft Edge – o sucessor do antigo Internet Explorer.

 

O Paint foi uma das grandes distrações dos jovens na era pré-internet banda larga, quando o acesso a rede mundial de computadores era restrito e limitado.
A remoção da aplicação será feita nas próximas atualizações do Windows, portanto, não estranhe se você não o ver mais ao dar comando “mspaint” na caixa de Executar.

Entretanto, o sistema não ficará carente de um programa de desenho nativo do sistema, já que a companhia informou que incluirá em seu lugar, um programa com a possibilidade de modelagem em três dimensões, brigando pelo seguimento diretamente com a Apple, que domina hoje grande parte desse mercado.

Fonte: Extra